Bovespa opera em alta no primeiro pregão de abril

O principal indicador da bolsa paulista, a B3, opera em alta nesta segunda-feira (29), primeiro pregão do mês, em meio à baixa aversão ao risco no exterior, após dados positivos sobre a indústria chinesa, enquanto expectativas sobre o andamento da reforma da Previdência seguiam no radar.

Às 14h53, o Ibovespa subia 0,66%, a 96.042 pontos. Veja mais cotações.

Para Eduardo Guimarães, especialista em ações da consultoria independente de investimentos Levante, o Ibovespa se beneficia do humor mais positivo no exterior, com dados de manufatura da China reduzindo os temores sobre o ritmo do crescimento global, de acordo com a Reuters.

As principais praças acionários no cenário internacional operavam no azul, em meio a dados mostrando que o setor industrial da China voltou inesperadamente a crescer em março pela primeira vez em quatro meses, diminuindo os temores sobre uma desaceleração global.

Do front doméstico, investidores aguardam a presença do ministro da Economia, Paulo Guedes, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), na quarta-feira. “Servirá de termômetro sobre o andamento da reforma da Previdência”, acrescentou Guimarães

Mais cedo, a B3 divulgou a primeira prévia da carteira do Ibovespa que irá vigorar de maio a agosto, mostrando a entrada das ações de Azul PN e IRB ON, enquanto LOG foi excluída.

Na sexta-feira, o índice fechou em alta de 1,09%, a 95.414 pontos. No mês, no entanto, acumulou queda de 0,17%, apesar de o índice ter superado os 100 mil pontos pela primeira vez na história. No ano, a bolsa subiu 8,56%.

Fonte: www.g1.com